Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

MEU ALENTEJO

ESTE BLOG E DEDICADO AO ALENTEJO E A MINHA TERRA QUE SE CHAMA "ALMODÔVAR"

ESTE BLOG E DEDICADO AO ALENTEJO E A MINHA TERRA QUE SE CHAMA "ALMODÔVAR"

MEU ALENTEJO

16
Jun10

Alentejo é

silvia

Alentejo é mais que Setubal, Portalegre, Évora e Beja.

Alentejo é mais que praia, planicie, montanha e um dos maiores lagos da Europa.

Alentejo é mais do que Igrejas, Castelos e Templos que são Património da Humanidade.

Alentejo é mais que Industria, agricultura, pesca e pecuária.

Alentejo não se explica, sente-se..

18rose.gif

16
Jun10

Tenho o ALENTEJO entranhado no meu sangue.......

silvia

 Os olhos reflectem muito sobre a alma das pessoas.Neste caso,os olhos irradiam quase sempre as paixoes,as tristezas,as memorias,os desassossegos,a impaciencia,a vontade frenética de resolver dar a volta ao``mundo``em menos de nada.Ora acontece que,por mais rodopios que a vida de^e que eu tenha dado à Vida,,,,Tenho o ALENTEJO entranhado no meu sangue.......

blumen_natur/takvog.gif

16
Jun10

"Ó rama ó que linda rama..."

silvia

 

Um dia estava um Alentejano sentado num banco de um autocarro muito descansado tendo o banco seu lado cheio de malas, quando uma senhora se aproximou dele e diz:
-Queira desculpar-me mas todos os bancos do autocarro estão ocupados e o senhor tem aqui tantas malas a ocupar este banco se não se importa será que pode retirá-las para eu me sentar?

E o Alentejano responde:
- E ó rama ó que linda rama....
A senhora ficou muito chateada e diz:
- Queira desculpar-me mas como paguei tenho o direito de me sentar.

E ele volta a responder:
- E ó rama e ó que linda rama...
A senhora furiosa dirige-se ao revisor e explica-lhe a situação, este dirige-se ao homem e diz-lhe:
- Faça o favor de retirar daí as malas ou eu atiro-as pela janelas fora.

O homem volta a responder:
- E ó rama ó que linda rama....
O revisor irritado abre a janela e atira as malas pela janela fora. Visto isto o Alentejano responde:
- E ó rama e ó que linda rama, e ó rama das oliveirinhas agora é que estás tramado que as malas não eram minhas.


16
Jun10

Proverbios populares alentejanos

silvia

Na adversidade é que se prova a amizade
Na cama que farás, nela te deitarás
Na primeira quem quer cai, na segunda cai quem quer.
Não coso vivo nem morto, coso aquilo que está roto
Não coso morto nem vivo, coso isto que está descosido.
Não há fumo sem fogo
Não há fome sem fartura
Não há regra sem excepção
Não peças a quem pediu nem sirvas a quem serviu
Não se fala de corda em casa de enforcado
Não vendas a pele do carneiro antes de o matar
Nariz de cão e cu de gente não se quer quente
Nem por muito madrugar amanhece mais cedo
Nem sempre sardinha, nem sempre galinha
Nem só de pão vive o homem
Nem tanto ao mar nem tanto à terra
Ninguém é profeta na sua terra

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2015
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2014
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2013
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2012
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2011
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2010
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2009
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D